Em emissora de rádio, prefeito Josimar diz que escuridão nas ruas foi provocada por relâmpago que queimou cerca de “800 mil lâmpadas” e devido a fornecedor ter paralisado as atividades na pandemia

Depois de muitos apelos de moradores relatando a escuridão em várias ruas e cobrando da administração o serviço de manutenção da iluminação pública, o prefeito Josimar Ferreira disse hoje a uma emissora de rádio local que essa situação foi provocada por um relâmpago que teria queimado cerca de 800 mil lâmpadas na cidade de Santo Antônio. “Infelizmente a gente não pode reclamar com a natureza. No primeiro relâmpago que deu aqui no município de Santo Antônio, a gente tivemos aproximadamente 800 mil lâmpadas queimadas”, afirmou.

O gestor justificou que o serviço de troca de lâmpadas não estava ocorrendo porque a empresa contratada pela gestão para o fornecimento do material é do Estado do Rio Grande do Sul e que a mesma havia paralisado o serviço devido à pandemia do coronavírus.

Segundo Josimar, o fornecedor entregou parte do material esta semana e a outra deverá está chegando até o início da próxima semana. Ele afirmou, ainda, que já tem uma equipe realizando a substituição das luminárias e espera que até a próxima semana tenha concluído o serviço em todas as ruas da cidade.